Imunoterapia: novidade no combate ao câncer

25 de outubro, 2018

Estimular o sistema imunológico do próprio paciente a atacar as células tumorais. Assim age a imunoterapia, que é hoje uma das estratégias mais eficazes e menos agressivas no tratamento de alguns tipos de câncer. Entre as principais drogas utilizadas há os chamados inibidores de ponto de controle. “Essa classe de medicamentos barra a ação de moléculas capazes de reduzir a atividade do sistema imune e impedir que ele ataque o tumor”, diz o imunologista Kenneth Gollob, do A.C.Camargo Cancer Center.

Com a medicação, a inibição cai por terra e as células de defesa, os linfócitos T, podem agir para destruir as células tumorais. “Já observamos bons resultados em melanoma, cânceres de pulmão, rim, estômago, cabeça e pescoço, bexiga, no linfoma de Hodgkin e no carcinoma de Merkel, um tipo raro de tumor de pele”, diz o oncologista clínico Milton Barros, do A.C.Camargo Cancer Center.

Além de exames laboratoriais de rotina para monitoramento de efeitos colaterais – como casos de inflamações nas glândulas e fígado etc. –, alguns exames específicos podem ajudar a guiar o tratamento. “Há testes moleculares para identificar biomarcadores relacionados com uma melhor resposta à terapia”, diz Barros. Daí a importância da equipe clínica interagir com a área de pesquisa.

Fonte: Portal da Saúde
Data: 24/10/2018

Informações

A Associação Nacional de Hospitais Privados Anahp é uma entidade representativa dos principais hospitais privados de excelência do país

ANAHP – São Paulo
Rua Cincinato Braga, 37,
3º e 4º andares.
Paraíso – São Paulo – SP
CEP 01333-011
+55 11 3178 7444

 

ANAHP – Brasília
SH/Sul Quadra 06, Conjunto A, Bloco E – 8º andar – Sala 801 Park
Brasília – DF
CEP 70322-915
+55 61 3039 8420

Área do associado

  • Copyright © 2019 Anahp. Todos os direitos reservados

X